Leite de vaca

O leite de vaca é um fluido insalubre, que contém uma gama ampla de substâncias inconvenientes. O seu consumo prolongado tem um efeito cumulativo prejudicial.
Com 59 hormonas activas, vários alérgeneos, gordura e colesterol, a maior parte produzida mostra ainda quantidades mensuráveis de herbicidas, pesticidas, dioxinas (até 2.200 vezes o nível aceitável), até 52 antibióticos poderosos, sangue, pus, fezes, bactérias e vírus. Pode conter resíduos de tudo o que a vaca come. Inclusive coisas como restos radiativos de testes nucleares.



Combustível do cancro


Das 59 hormonas do leite, uma é um poderoso auxiliar do crescimento, de seu nome IGF-1 (Insulin-like Growth Factor One - Factor de Crescimento similar à Insulina). Por uma curiosidade da natureza ele é idêntico
entre vacas e seres humanos. Segundo especialistas em medicina, é concensual que o IGF-1 é um factor-chave na aceleração do crescimento e na proliferação dos cancros da mama, da próstata e do cólon. Provavelmente actua também como catalisador no desenvolvimento de outras formas de cancro.

O IGF-1 é um constituinte de todo o leite de vaca, visto que se é desejável que o recém-nascido cresça com rapidez. Evidentemente que, se entrarmos em linha de conta que uma percentagem significativa da população (50% nos USA) se debate com problemas de obesidade, a presença de IGF-1 no leite pode já não ser vista com tão bons olhos.

Um caso flagrante sobre este assunto é o da indústria química Monsanto, fabricante de produtos como DDT, agente laranja, Roundup e outros. Esta empresa gastou cerca de meio bilião de dólares para inventar uma injeção que fizesse as vacas produzir mais leite.
Infelizmente o produto final (Posilac, rbGH, injectável) revelou cinco erros que levaram à proibição do uso de rbGH no Canadá. Ainda assim, o relatório que os descrevia (Richard, Odaglia & Deslex, 1989) foi oculto pela lei de Segredo Comercial de Clinton. Os canadenses puderam, em bom tempo, ler deste relatório o bastante para proibir o rbGH em seu país. O Posilac da Monsanto leva a um acréscimo de IGF-1 no leite até 80%.

A FDA (Food and Drugs Administration - Departamento de Alimentos e Remédios dos Estados Unidos) insiste que o IGF-1 é destruído no estômago. Por outro lado, estudiosos da questão insistem que nesse caso a amamentação não faria sentido, por não ter qualquer eficácia. A afirmação da FDA é ridícula, porque é o IGF-1 que faz o bezerro crescer a uma taxa tão elevada nas primeiras semanas de vida.


Aumento do IGF-1


A fim de se entender melhor o papel deste químico, foi realizado um estudo com dois tipos de consumidores: um bebendo 360g de leite por dia, outro a porção recomendada pela USDA (recomendação nutricional diária dos Estados Unidos) de 720g (três chávenas).
Neste estudo observou-se que os participantes que consumiam 360g de leite pro dia tiveram um aumento de 10% no nível de IGF-1.


Quantidade:
Todos os lacticínios em geral, por derivarem do leite, podem ser fonte do mesmo problema. O queijo, por exemplo, contém os mesmos constituintes do leite numa proporção de 10 para um. São necessários 10 quilos de leite para fazer um quilo de queijo. E quanto à manteiga, conta com cerca de 21 vezes o que estiver contido nas moléculas de gordura da mesma quantidade de leite.


Gordura:
Muita gente suspeita que a manteiga é só gordura, mas não tem idéia de quanta gordura existe no leite e no resto dos laticínios.
Os produtos que usam derivados do leite (caseína, soro, lactose) são provavelmente uma causa importante de problemas de peso e saúde.

Leite integral: 49% das calorias vêm da gordura.
Leite meio-gordo (2%): 35% das calorias vêm da gordura.
Queijo cheddar: 74% das calorias vêm da gordura.
Manteiga: 100% das calorias vêm da gordura.


Cálcio:
Uma pergunta que deve ser feita é: onde é que as vacas arranjam cálcio para terem ossos tão grandes? A resposta é simples: sim, das plantas! E as mesmas plantas fornecem-lhes ainda uma boa quantidade de magnésio, necessário para a absorção e o uso do cálcio.

O cálcio do leite de vaca é basicamente inútil. O leite tem conteúdo insuficiente de magnésio (11% do que seria necessário para a mesma quantidade de cálcio). Igualmente, para a boa absorção de cálcio é importante a presença da vitamina D, que nós, humanos, produzimos pela simples exposição à luz solar. As nações com mais alto nível de consumo de leite e laticínios também têm o maior nível de osteoporose, como atestado por um estudo desenvolvido por 78.000 enfermeiras num período de 12 anos.

Segundo a USDA, 240g (uma chávena) de leite contém:
Cálcio (Ca) - 291,336 mg
Magnésio (Mg) - 32,794 mg

A USDA recomenda 1200 mg de cálcio por dia. As três xícaras de leite diárias recomendadas pela USDA só contêm 900mg de cálcio. Alguns argumentam que só se precisa de 1/3 do magnésio. A mãe natureza parece indicar que a proporção deveria ser 1:1. Se a proporção para a absorção adequada fosse de 1/3 de magnésio para 1 de cálcio, então apenas 300mg daqueles 900mg de cálcio seria utilizável. Se, na verdade, a proporção for de 1:1... só 98,38mg do cálcio é aproveitável.


Proteínas:
O leite pode ser considerado "carne líquida", pelo seu alto conteúdo de proteína. Na realidade, o excesso de proteínas, em conjunto com outras proteínas, pode provocar a perda de cálcio do corpo. Países que consomem dietas ricas em proteínas (carne, leite e laticínios) têm as taxas mais altas de osteoporose.

80% da proteína do leite é caseína. A caseína é um aglutinante poderoso. Um polímero usado para fazer plásticos e uma cola óptima para mobílias resistentes ou rótulos de cerveja. É usada como aglutinante em milhares de alimentos industrializados, como "caseinato de _qualquer_ coisa_".


Bactérias:
Permite-se que haja fezes no leite de vaca. Esta é uma grande fonte de bactérias, como não poderia deixar de ser. Normalmente o leite é pasteurizado mais de uma vez antes de chegar à tua mesa - cada vez durante 15 segundos à temperatura de 72°C. Por contraposição, para esterilizar a água exige-se que ela seja fervida (100°C) por vários minutos. Por outro lado, à temperatura ambiente o número de bactérias no leite duplica a cada 20 minutos.


Pus:
Um centímetro cúbico de leite de vaca comercial pode ter até 750.000 células somáticas (mais conhecidas como pus) e 20.000 bactérias vivas, antes de ser retirado do mercado.
Isso chega a espantosos 20 milhões de bactérias bem vivinhas e a 750 milhões de células por litro.

1 chávena = 237 cm3 (centímetros cúbicos) ~ 177.441.150 células de pus e 4.731.600 bactérias
A ingestão diária "recomendada" para um adulto é de três vezes esta quantidade.

A Comunidade Europeia e o Canadá só permitem 400.000.000 (quatrocentos milhões de) células de pus por litro. Em geral esses níveis são mais baixos, mas PODEM chegar a este nível e ainda assim chegar à tua mesa.


Colesterol:
O conteúdo de colesterol de três chávenas de leite é igual ao de 53 fatias de bacon. Não muito dietético, concerteza!


Constituição do leite:
água: 87%
gordura: 3,25% (se for leite completo, ou gordo)
caseína: 4%
outras proteínas: 1%
outras substâncias: 4,75%


Referências:
http://www.notmilk.com/deb/030799.html (Artigo sobre o estudo das 78,000 enfermeiras)
http://www.notmilk.com/deb/092098.html (Sobre cálcio e doenças dos ossos)
http://www.notmilk.com/badbones.html (Sobre doenças dos ossos)
http://www.notmilk.com/bonehead.txt (Sobre doenças dos ossos)
http://www.notmilk.com/calcium/index.html



Copyright Centro Vegetariano. Reprodução permitida desde que indicando o endereço: http://www.centrovegetariano.org/Article-10-Leite-de-vaca.html

Inserido em: 2002.05.09 Última actualização: 2009.12.14

Comentar printer     E-mail   Facebook F

Alimentação > Alimentos > Lacticínios
Alimentação > Alimentação Omnívora



Comentários



xatosgy armxlkl

lcnpddfouspwfhfubsjbop, http://www.hrxoviwbvb.com/ arcwhdnxhw
(Por: vhzowudpwn)

[Por: @ 2014.06.13 - 01:55 | Responder | Imprimir ]


Mas e a vaca?

A retirada de leite prejudica a vaca? Pq a preocupação maior é com ela...
(Por: Beatriz Rangel)

[Por: @ 2014.05.06 - 22:07 | Responder | Imprimir ]


Plantas também são seres vivos,esqueceram?

Plantas também são seres vivos,esqueceram?
Merecem também viver. O problema maior do mundo é o artificialismo da produção de alimentos.
A partir do momento em que é respeitado o meio ambiente sem contaminá-lo com produtos químicos, hormônios artificiais e transgênicos, isto sim é a melhor atitude.
Pois a cadeia alimentar é uma realidade, é uma lei da natureza criada por Deus.
Claro que na cadeia do ATP os vegetais tem mais energia acumulada.
Mas, dizer que só animais tem vida isso é absurdo!
Pois se for considerado dest forma, então, é crime matar uma planta para comer, pois ela não se move, mas tem vida também.
Querem defender a vida? Então defendam à natureza criada por Deus e que o homem jamais tente mudar nada dela, pois é perfeita criação de Deus!
Lembrando também que Jesus comeu peixe. Não sejam exagerados!
Pois bacteriófagos são vírus,mas destróem bactérias e não afetam seres humanos !
Não devemos exagerar em criticar pessoas que se alimnetam de forma diferente, porque Deus altíssimo nos permitiu nos alimentarmos de animais e plantas( seres vivos que não andam )!
O que é errado é a ciência fazer engenharia genética(brincar com nosso maior patrimônio) e criar doenças sérias como Vaca Louca, câncer e outras ... que surgem de ração (vegetal venenoso) transgênica,pois isso afeta de forma ruim toda cadeia alimentar.
Vejo que alguns amigos vegetarianos se comportam como carnívoros violentos, pois escrevem de forma ofensiva, quando deveriam é respeitar e refletir sobre o que outras pessoas argumentam.
(Por: Lincoln Juarez)

[Por: @ 2013.07.18 - 17:38 | Responder | Imprimir ]


Por que consomem refrigerantes, cervejas, bebidas, cigarros...Infinitos alimentos e bebidas totalmente desnecessários para se viver bem? Por que gostam...Então bebemos leite por que gostamos e ponto final.
(Por: Rosangela)

[Por: @ 2013.06.27 - 00:46 | Responder | Imprimir ]

Ninguém está a por em causa que cada um não pode comer o que gosta só porque sim, indiferente ao que lhe possa provocar na saúde e no ambiente. Mas nesses casos que refere as pessoas terão consciência do mal que esses produtos provocam e, mesmo assim, optam por consumi-los "porque gostam". No caso do leite, a publicidade que chega até nós, desde pequeninos, é de que é um alimento super saudável, que deveremos ingerir muito leitinho para crescer e para ter ossos fortes. O que este artigo expõe é que isto não é bem verdade - e muitas mães se tiverem consciência do que realmente está contido no leite de certo não o darão aos seus filhos, pelo menos não nas quantidades que (especulação ou não) a indústria dos lacticínios aconselha. Além disso, a produção de leite, acarreta o sofrimento de animais. Se o ser humano quer fazer a mal a si próprio "porque gosta", fá-lo por opção. As pobres vaquinhas leiteiras não têm escolha própria...
Quem tiver curiosidade pode pesquisar as conclusões de estudos feitos em Harvard quanto a este assunto, pois tratam-se de afirmações cientificas - ou ver alguns filmes/documentarios como Earthlings ou Food Inc e talvez passem a ver a "comida" com outros olhos.


> Por que consomem refrigerantes, cervejas, bebidas, cigarros...Infinitos
> alimentos e bebidas totalmente desnecessários para se viver bem? Por que
> gostam...Então bebemos leite por que gostamos e ponto final.
> (Por: Rosangela)

(Por: paula)

[Por: @ 2013.06.27 - 14:26 | Responder | Imprimir ]


Seria ponto final se não houvesse outros indivíduos envolvidos, o que não é necessariamente o caso com "refrigerantes, cervejas, bebidas, cigarros".
Se faz mal à saude trata-se mais de uma opção pessoal que não afecta outros indivídios, pelo menos da mesma maneira que consumir produtos animais afecta.
Suicídio vs genocídio.



> Por que consomem refrigerantes, cervejas, bebidas, cigarros...Infinitos
> alimentos e bebidas totalmente desnecessários para se viver bem? Por que
> gostam...Então bebemos leite por que gostamos e ponto final.
> (Por: Rosangela)

(Por: Andre)

[Por: @ 2013.06.27 - 19:25 | Responder | Imprimir ]



Ah, claro... por que não paramos de nos alimentar e passamos a consumir apenas cápsulas contendo todas as vitaminas, proteínas, carboidratos e demais nutrientes de que necessitamos?
Alguém formula uma ração que contenha tudo isto e pronto. Pra que comer?
Só o leite materno contém todas as substâncias de que necessitamos, e por um período curto de tempo. Não há um "alimento chave" que contenha tudo.
Agora porque o leite não contém todo o cálcio de que necessitamos e contém gordura ele é o grande vilão!
Quanta ignorância!
Como se nosso organismo não necessitasse de gordura... como vocês acham que as vitaminas lipossolúveis são transportadas no nosso corpo?
Acho incrível como algumas pessoas podem ser tão simplistas. Lêem uma baboseira qualquer e se convencem.
(Por: Zândla)

[Por: @ 2010.11.08 - 22:24 | Responder | Imprimir ]


Leite vs sem leite

Vamos ser lógicos. Depois de ler o texto e os comentários não podia deixar de escrever algumas palavras.
O leite é um alimento saudável e nutritivo, deve ser ingerido por quem pode e a quem não lhe faz mal. Hoje em dia a qualidade do leite passa por inumeros testes e só depois e provada a qualidade do mesmo é que este passa para o mercado. Agora como é lógico se podermos fazer uma alimentação o mais natural possível, comendo produtos caseiros e produzidos sem pesticidas ou quaiqueres produtos quimicos melhor. Não é facto de se beber leite que fará com que aquela pessoa tenha esta ou aquela doença.
Eu não bebo leite porque sou intolerante à lactose, mas quando bebia adorava e era um dos meus alimentos preferidos.
Agora uma coisa é certa somos o único animal mamifero que depois de adultos continuamos a consumir leite....
Se te sentes bem bebe...Se te faz mal por algum motivo procura alternativas...Desde que tudo seja consumido com moderação não faz mal...
(Por: PC)

[Por: @ 2010.08.02 - 16:59 | Responder | Imprimir ]

Re: Leite vs sem leite

infelizmente pc somos ainda muito animalizados, continuamos vivendo na época dos homens da caverna. Escravizamos e matamos os animais, se vc, fosse uma vaca gostaria que lhe fosse tirado o filho, e fosse dado preferência ao homem.
Elas deixam de dar o leite ao filhote, alimento do qual eles precisam para dar a vc.É justo. Fora que para a vaca dar leite o ano todo eles tem que íncemina-las durante o ano todo para que sempre fiquem prenha, para dar o leite que vc toma. É muito sofrimento para um animal , não poder escolher a hora de se ter um filhote, ser imposta pelos homens. Mas estamos em evolução ainda, um dia voltaremos melhores.
(Por: carmem duarte)

[Por: @ 2011.07.04 - 19:25 | Responder | Imprimir ]


Re: Leite vs sem leite

saudável e nutritivo...
Quantas coisas são ditas por aí e o povo acredita...
(Por: jor)

[Por: @ 2012.10.18 - 07:25 | Responder | Imprimir ]



O leite de vaca nao e para nos

Beber leite de vaca nao so faz mal a saude como e simplesmente nojento. Se nao chegaram a esta conclusao talvez nao tenham lido bem o texto.

Antes de ser contaminado, o leite de vaca tem caracteristicas cujo unico proposito e sustentar um bezerro ate chegar a idade de poder pastar.

\"As nações com mais alto nível de consumo de leite e laticínios também têm o maior nível de osteoporose.\"

Nao faz qualquer sentido um humano bebe-lo nem na infancia nem na idade adulta.
(Por: Andre)

[Por: @ 2009.12.14 - 14:19 | Responder | Imprimir ]

Re: O leite de vaca nao e para nos

> concordo com vc andre é nojento, infelizmente as pessoas não aceitam o obvio. sem querer pensar, tem preguiça de estudar.Não leram o texto, e não é porque simplesmente alguém escreveu algo que vc vai acreditar,mas tudo é comprovado.Principalmente quando acontece com o animal. Digam para eles - estudem- vejam como o animal sofre.
(Por: carmem Duarte)

[Por: @ 2011.07.04 - 19:19 | Responder | Imprimir ]


Nojento!

Eu também tenho nojo de leite e qualquer derivado! Depois que cortei este mal da minha vida, minha saúde e bem estar melhoraram consideravelmente.Acredito que daqui algumas centenas de anos as pessoas vão olhar para nós e ficarão horrorizados de saber que bebíamos leite de vaca. argh!


> Beber leite de vaca nao so faz mal a saude como e simplesmente nojento. Se
> nao chegaram a esta conclusao talvez nao tenham lido bem o texto.
>
> Antes de ser contaminado, o leite de vaca tem caracteristicas cujo unico
> proposito e sustentar um bezerro ate chegar a idade de poder pastar.
>
> "As nações com mais alto nível de consumo de leite e laticínios também têm
> o maior nível de osteoporose."
>
> Nao faz qualquer sentido um humano bebe-lo nem na infancia nem na idade
> adulta.
> (Por: Andre)

(Por: Valentina)

[Por: @ 2013.10.16 - 09:49 | Responder | Imprimir ]



Anteriores <<