Carência de vitamina C e artrite

Os doentes que sofrem de artrite reumatóide, doença cujas causas são muito complexas, tiveram, provavelmente, carências de vitamina C. Isto porque, para além das causas prováveis de artrites ou poliartrites que já se conheciam, a falta desta vitamina pode contribuir para aumentar o risco de contrair a inflamação. Pelo menos assim defende um estudo levado a cabo por uma equipa de investigadores da Universidade de Manchester, em colaboração com o Instituto de Saúde Pública da Universidade de Cambridge, no âmbito de uma campanha de pesquisa para o efeito.
"Parece que existe uma forte ligação entre o risco de desenvolver algumas formas de artrite e o baixo consumo de vitamina C.", confirma David Scott, o presidente da Sociedade Britânica de Reumatologia. Serão ainda precisos mais estudos nesta área, segundo acrescentou.

No entanto, os investigadores observaram, durante oito anos, 25 mil pessoas, às quais foram prescritas dietas especiais, por forma a descobrirem quais delas contraíam mais facilmente a doença. Veio-se, assim, a verificar que, de facto, quem consumiu durante esse mesmo período poucas doses de frutas e vegetais contraiu poliartrite inflamatória.

Torna-se, pois, evidente, a ligação entre esse factor e as possíveis causas dessa doença. Uma das responsáveis do referido estudo disse ainda: "A pesquisa efectuada aos Registos de Norfolk de doentes com artrite já estabeleceu anteriormente que o fumo e as transfusões sanguíneas são dois factores significativos que levam ao aparecimento da artrite reumatóide." E salientou que as baixas doses de vitamina C podem vir a ser mais um elemento a juntar-se àqueles, apelando para que o estudo continue, pois vale a pena descobrir com exactidão essa ligação.

Em Portugal, até meados de 2001, sofriam de artrite reumatóide cerca de 100 mil portugueses. Este mal pode atingir qualquer faixa etária, mas tem especial incidência sobre as mulheres e conduz muitas vezes à depressão, devido à incapacidade progressiva que a doença provoca. Dores articulares é o sintoma mais comum, mas podem surgir outros associados, como a fadiga, sensibilidade excessiva ao frio ou ao calor e edemas (inchaços) nas articulações.

Referências:

http://www.arc.org.uk/newsviews/press/mar2003/vitc.htm


Copyright Centro Vegetariano. Reprodução permitida desde que indicando o endereço: http://www.centrovegetariano.org/Article-219-Car-ncia-de-vitamina-C-e-artrite.html

Inserido em: 2003.08.16 Última actualização: 2006.12.25

Comentar printer     E-mail   Facebook F

Saúde > Alimentação e Saúde
Saúde > Nutrientes essenciais
Pessoas > Artigos por Autor > Ana Oliveira