Olha para o que eu digo, não olhes para o que eu como!


Um estudo publicado recentemente no American Journal of Health Behaviour refere que as jovens adolescentes seguem os exemplos das mães, sobretudo quando estas ingerem comidas gordas. O mesmo não acontece em relação às fibras, cujo comportamento não é tão facilmente "imitado".

A conclusão a que se refere este estudo dá conta de um claro objectivo: as mães devem ensinar as filhas adolescentes a comerem comidas com baixo índice de gorduras e calorias, de forma a que elas sigam os comportamentos para uma alimentação saudável. Importa, por isso, que elas próprias assumam o mesmo princípio, como técnica de incentivo às filhas. No entanto, é mais fácil reduzir a quantidade de matéria gorda do que esperar que elas ingiram fibras só porque as mães assim o fazem.

Um pormenor curioso deste estudo é o facto de serem as mães e as filhas de raça negra a seguirem padrões de imitação mais fidedignos. Os resultados foram observáveis entre 400 pares de mães e filhas dos estados norte-americanos de Virgínia e Nova Iorque, sendo que só 1% de jovens americanas segue um regime dietético adequado às suas necessidades alimentares, no qual cerca de 45% da energia que elas consomem é proveniente de gorduras e açúcares. Ainda assim, só 25% de consumo dessas gorduras e açúcares são justificados pela ingestão de gorduras por parte das mães, enquanto que a origem das restantes 75% continua por explicar, sendo atribuída a outros factores.

Os especialistas alertam então para a "clara necessidade de se compreender o ambiente doméstico em que as jovens vivem e o impacto que ele tem na adopção de comportamentos alimentares de risco, que podem vir a provocar sérias doenças na vida adulta."

Referências:

http://my.webmd.com/content/article/72/81663.htm

Copyright Centro Vegetariano. Reprodução permitida desde que indicando o endereço: http://www.centrovegetariano.org/Article-220-Olha-para-o-que-eu-digo--n-o-olhes-para-o-que-eu-como-.html

Inserido em: 2003.08.16 Última actualização: 1999.11.29

Comentar printer     E-mail   Facebook F

Saúde > Alimentação e Saúde
Pessoas > Artigos por Autor > Ana Oliveira