alface alface

Alface

A Primavera é uma estação do ano em que a energia é ascendente, tudo o que germinou no Inverno deita para fora os seus rebentos, folhas, flores e frutos. É também a época do ano em que o organismo está receptivo a processos de eliminação e desintoxicação, libertando-se dos excessos do Inverno. O órgão associado à Primavera é o Fígado e esta é a época indicada para o desintoxicarmos de gorduras acumuladas, ingerindo alimentos frescos, rebentos, sumos, entre outros.

Um dos principais vegetais desta época é a Alface, também conhecida como Alface-Hortense, Salada e Selada, planta herbácea rica em nutrientes e clorofila. Precisamente por ser rica em clorofila e por ter efeitos coleréticos e diuréticos, ela tem uma acção benéfica no Fígado.

Tem função alcalinizante e é rica em provitamina A e em ferro que o organismo consegue assimilar bem porque não contém ácido oxálico. É igualmente rica em vitaminas B1, B2 e C. Também contém substâncias anti-cancerígenas.

Sopa de alface ou salada de alface comidas à noite têm um efeito calmante combatendo a insónia.

Estimula a secreção dos sucos digestivos e deve ser comida, preferencialmente, no início das refeições e não no fim do prato principal.

Pode ser utilizada em cru em sumos e saladas, e cozinhada em sopas ou em infusões medicinais.

Cozimento: durante 5 minutos ferver 40g de alface num litro de água; é útil para fazer lavagens dos olhos e tratar conjuntivites; lavar os olhos com o preparado quente duas vezes por dia, ao acordar e antes de deitar.

Infusão: ferver 1 litro de água e juntar 5 folhas de alface e deixar em infusão cerca de 10 a 15 minutos e beber antes de deitar ou durante o dia se necessário. Esta infusão é excelente para acalmar, relaxar e conciliar o sono.

Sumo: numa liquidificadora, misturar a 500ml de água mineral: 6 folhas tenras de alface, 6 folhas de chicória, 1 colher de chá de alecrim, salsa e coentros q.b., 4 rodelas finas de gengibre. Beber de imediato, em jejum. Limpa o organismo e purifica o Fígado.

Salada Protectora do Fígado: numa saladeira misturar a alface bem lavada aos bocados e juntar: cenoura ralada, folhas novas de cardo-de-santa-maria, flores de dente-de-leão, salsa e rebentos de bambu. Temperar com um fio de azeite de muito boa qualidade, 1 colher de chá de molho de soja (shoyo), gengibre ralado e curcuma (açafrão das Índias).

NOTA: Para que estas pequenas receitas tenham de facto o efeito desejado, os ingredientes devem ser biológicos.

 



Copyright Centro Vegetariano. Reprodução permitida desde que indicando o endereço: http://www.centrovegetariano.org/Article-551-Alface.html

Inserido em: 2010.06.12 Última actualização: 2010.06.12

Comentar printer     E-mail   Facebook F

Pessoas > Artigos por Autor > Paula Soveral
Alimentação > Alimentos > Legumes e outros vegetais