Sobre o Seitan

O seitan é produzido a partir da farinha de trigo.
Faz-se primeiro uma massa, como para o pão. Esta é depois lavada, num passador, com água corrente. Neste processo perde as gorduras e os hidratos de carbono.


A massa lavada é então cozinhada com molho de soja (shoyu ou tamari) e ganha assim uma consistência dura. Fica um preparado fibroso, que deve ser bem cortado em fatias.
O seitan pode ainda ser preparado directamente a partir da farinha de glúten.
É um óptimo substituto da carne e assemelha-se no aspecto. É um produto rico em fibras e minerais.

O glúten é a proteína insolúvel do trigo, mais conhecida por dar elasticidade ao pão. Como fonte de proteína vegetal sem colesterol nem gordura saturada, o seitan fornece proteínas, uma pequena quantidade de vitamina B e ferro e quase nenhum sódio.
O seitan ou glúten, como por vezes também é designado devido ao nome da proteína do cereal, é outro alimento da antiguidade, tal como o tofu. Não está claro se a receita provém da Índia ou da China.
Encontra-se à venda em lojas de produtos naturais. Geralmente o seu período de validade é de 2-3 semanas, no entanto pode congelar-se.
Podes usar o seitan às fatias ou aos cubos em guisados, grelhados, assados, panados, picado em recheios de empadas ou lasanhas.

 

Referências:
http://www.essortment.com/all/whatisseitan_rkgb.htm

http://www.mitoku.com/products/seitan/healthbenefits.html



Copyright Centro Vegetariano. Reprodução permitida desde que indicando o endereço: http://www.centrovegetariano.org/Article-16-Sobre-o-Seitan.html

Inserido em: 2002.05.09 Última actualização: 2010.01.03

Comentar printer     E-mail   Facebook F

Alimentação > Alimentação Vegana > Despensa Vegana
Alimentação > Alimentos
Pessoas > Artigos por Autor > Cristina Rodrigues
Pessoas > Artigos por Autor > Ana Soares